•         
    Escolha uma Página

    Blog da Plugue

    Conectando você ao melhor conteúdo!

    Assine nossa lista e fique plugado conosco!

    Pode ficar tranquilo que você estará num ambiente totalmente seguro.

    como-fazer-email-marketing

    Talvez você já tenha ouvido falar que email marketing morreu. Talvez você já tenha ouvido falar que email marketing não morreu. Talvez você já tenha ouvido falar que email marketing gera muito resultado ou que não gera resultado nenhum.

    Afinal, email marketing morreu ou não morreu? Email marketing gera ou não gera resultados?

    Parece interessante? Então continue lendo este artigo para saber tudo o que você realmente precisa saber sobre email marketing.

    Email marketing Morreu ou não Morreu?

    Email Marketing Funciona

    Afinal, ele morreu ou não morreu?

    Não, ele não morreu! Muito pelo contrário, ele está mais vivo do que nunca!

    E você vai entender abaixo o porquê.

    O que morreu, foi a forma errada de fazer email marketing.

    Muitas empresas falam que tem muito resultado com email marketing. Outras falam que email marketing não funciona.

    Algumas pessoas dizem comprar através de e-mails que recebem de emrpesas, inclusive indicam para amigos comprarem um produtos que receberam dicas, indicações, comentários por e-mails. Outras falam que os e-mails de “ofertas e propagandas” que recebem são chatos e que não aguentam mais receber esses e-mails.

    Mas qual é a conclusão disso tudo?

    Por que funciona pra umas empresas e outras não?

    Porque algumas pessoas dizem que os e-mails ajudam a decidir uma compra e outras não?

    A resposta é simples: Porque algumas empresas fazem da maneira correta e outras não!

    Porque algumas empresas já entenderam e outras não, que não é enviando e-mails o tempo todo de promoções e ofertas, que as pessoas vão sentir vontade de comprar.

    Porque algumas empresas já entenderam e outras não, que a melhor maneira de influenciar uma pessoa e fazer com que ela sinta vontade de comprar o seu produto, é compartilhando experiências de pessoas comuns como elas, benefícios que o seu produto vai levar pra vida dessa pessoa e não apenas um email com a foto e preço de um produto, mais parecendo um desesperado em vender alguma coisa, querendo empurrar um produto de qualquer jeito.

    Você está pensando isso?

    Talvez você esteja pensando: Ok, funciona para o segmento “x”, mas pro meu segmento não funciona.

    Se você estiver pensando isso, fique tranquilo, porque isso é normal, porém está longe de ser verdade.

    Email marketing funciona pra todo e qualquer tipo de nicho. Porém, um dos pontos mais importantes e que fazer toda diferença em um email marketing que gera resultados e o que não gera, é falar com a pessoa certa, falar com a pessoa que realmente tem interesse pelo seu produto é que possa ser um possível cliente. Não simplesmente sair enviando email atrás de email pra todo mundo.

    Pare e pense…

    Se a sua empresa enviar email marketing para 2 mil pessoas que não tem interesse nenhum no seu produto, provavelmente você não vai conseguir vender nenhum produto para nenhuma dessas 2 mil pessoas. A sua empresa teve um gasto e um retorno zero.

    Agora pare e pense, se a sua empresa enviar apenas email marketing para 1 pessoa, e essa pessoa realmente tem interesse no seu produto, inclusive estava pesquisando esse tipo de produto na internet, porque tem necessidade de comprar entre hoje e amanhã, inclusive já pesquisou sobre a sua empresa em diversas redes sociais e viu várias pessoas falando bem tanto da sua empresa, como do seu produto. Qual a chance que você acha que essa pessoa tem de comprar o seu produto e virar um cliente da sua empresa?

    Enfim, email marketing funciona e está cada dia mais vivo, o que não funciona é fazer email marketing da maneira errada?

    Muitas, certo?

    Isso faz sentido pra você? Então continue lendo pra saber mais.

    Por que sua empresa deve fazer email marketing?

    como-fazer-email-marketing

    Alguns dados estatísticos, pra você ver o potencial que o email marketing tem de gerar resultados para sua empresa se feito da maneira certa:

    • É esperado que o número de contas de email alcance 4,3 bilhões no final de 2016. – Radicati Group 
    • 72% dos consumidores escolhem email como o melhor canal para receber comunicações de empresas e marcas. – MarketingSherpa
    • 92% dos adultos presentes online utilizam email, sendo que 61% deles utilizam diariamente. – Pew Research
    • Um email é 40 vezes mais efetivo para aquisição de novos clientes do que redes sociais como Facebook e Twitter. – CampaignMonitor
    • 81% dos consumidores online que recebem emails baseado em hábitos de compra demonstrados anteriormente possuem mais probabilidade de realizar outras compras no futuro. – eMarketer
    • Quando se trata de compras realizadas como resultado direto de uma mensagem de marketing, o email possui maior taxa de conversão (69%) que redes sociais e outros canais off-line – DMA
    • Os contatos na sua lista de email possuem uma probabilidade 3x maior de compartilhar seus conteúdos nas redes sociais que visitantes de outras fontes. QuickSprout
    • Uma mensagem é 5x mais provável de ser vista no email do que em redes sociais. –Radicati
    • Mais de 50% dos usuários de email afirmam ler a maioria dos emails que recebem. –HubSpot
    • 95% das pessoas que optam por receber mensagens de uma marca acreditam que estas mensagens sejam úteis. –Salesforce
    • Emails com botões de compartilhamento em redes sociais aumentam a taxa de cliques em 158% –Nonprofit Hub

    Só mais alguns dados do potencial e pra você entender a importância da sua empresa fazer email marketing [ da maneira certa ] e por que está deixando de faturar mais e de ter mais clientes por não usar ou usar da maneira errada…

    • Consumidores que compram produtos promovidos por meio de email marketing gastam 138% mais que consumidores que não recebem ofertas por email –Convince&Convert
    • 44% dos destinatários de email realizam ao menos uma compra por ano –Convince&Convert
    • 59% dos profissionais de marketing B2B afirmam que email é o canal mais eficaz para gerar receita. –BtoB Magazine
    • 49% dos profissionais de marketing B2B investem mais tempo e recursos em email marketing que em outros canais. –BtoB Magazine
    • Empresas que utilizam email marketing para nutrir suas leads geram 50% mais leads qualificadas para a equipe de Vendas, a um custo 35% menor. Estas leads, por sua vez, são responsáveis por um aumento de oportunidades de negócio em 20%. –HubSpot
    • Nos Estados Unidos, donos de pequenas empresas estipulam que investir uma hora do dia em estratégias de email marketing gera um retorno de $273. –ConstantContact
    • Profissionais de marketing afirmam que email marketing é a estratégia mais eficaz para aquisição, conversão e retenção de consumidores. –Gigaom
    • Email é quase 40x melhor na aquisição de clientes que Facebook e Twitter. –McKinsey & Company
    • Durante a Black Friday, dia dedicado a ofertas nos Estados Unidos, o email foi o maior canal de marketing, gerando 25,1% de todas as transações. Além do email, 21,1% das transações foram realizadas atráves de busca orgânica e 16,3% de busca paga, enquanto as redes sociais (Facebook, Twitter, Instagram e Pinterest) contribuíram com apenas 1.7% das vendas. –Custora

    Percentual de Retorno de um Email Marketing Bem Feito

    percentual-de-retorno-para-email-marketing

    Claro que, cada casa é um caso, cada nicho é um nicho, com suas particularidades, potenciais e tamanhos diferentes. Algumas empresas têm mais resultados, outras menos, até mesmo porque, umas dedicam mais tempo em criar estratégias, estudar e entender o seu consumidor e possível consumidor, hábitos de consumo e vários outros pontos que vão fazer total diferença no resultado de uma estratégia de email marketing.

    Percentual de retorno sobre o investimento [ ROI ] do email marketing

    • O email marketing possui um ROI de 3800%. –DMA 
    • O ticket médio de uma transação atribuída a um email é 3x maior que transações atribuídas a mensagens em redes sociais. –McKinsey
    • Nos Estados Unidos, para cada dólar gasto em email marketing, é gerado um retorno de $38. –CampaignMonitor 
    • 77% do ROI de email vem de campanhas automatizadas e personalizadas. – DMA 
    • O ROI do email marketing é o segundo mais fácil de ser medido, depois de busca paga.–eConsultancy 
    • Email é a fonte de dados de negócios mais utilizada, com 41% das empresas avaliando a performance das suas campanhas de email marketing. Pesquisa (39%) e dados de transações (37%) foram as outras duas maiores fontes de dados. –Salesforce

    Como Fazer

    como-fazer-para-ter-resultado-no-email-marketing

    Antes de tudo, você precisar achar as pessoas, pessoas que tenham possível interesse no seu produto e na sua empresa para fazer parte da sua lista de e-mails.

    Você vai achar essas pessoas através de blog de conteúdo, campanhas no Facebook Ads, Campanhas no Google Adwards, etc… que redirecionam para uma página de captura e atraem essas pessoas por uma recompensa, como por exemplo um livro de dicas, um período de teste de um determinado sistema, se esse for o nicho de mercado da sua empresa, entre outras recompensas.

    Depois disso e antes de começar a pensar em escrever os e-mails que acha importante mandar para clientes e possíveis clientes, afim de melhorar as vendas e aumentar o número de clientes da sua empresa, você precisa definir alguns pontos muito importantes para criar uma estratégia eficaz e conseguir gerar o resultado que sua empresa precisa:

    Qual o sexo do seu público

    É muito importante saber qual é o sexo predominante do seu cliente e do potencial cliente. Talvez ela pareça muito simples pra você, talvez até meio sem lógica, mas a forma que a sua empresa deve se comunicar com uma mulher, é diferente da forma que ela deve falar com um homem.

    A forma de consumo de uma mulher, é diferente da forma de consumo de um homem. Então, essa informação aliada com as outras, vão deixar a sua estratégia de email marketing mais assertiva.

    Qual a faixa etária do seu público

    Da mesma forma que a estratégia de email marketing da sua empresa é diferente para falar com uma pessoa de sexo feminino e outra do sexo masculino, a faixa etária também influencia diretamente na hora de traçar a melhor estratégia.

    Afinal, a forma que você conversa com uma menina de 22 anos, é diferente da forma que conversa com uma de 45 anos. Da mesma forma que é diferente conversar com um rapaz de 25 anos e um outro de 47 anos.

    Qual a linguagem do seu público

    Você sabe qual a linguagem do seu público?

    É mais formal? Mais informal?

    Como é?

    Esse ponto também é muito importante como os outros citados, porque ele vai fazer com que os e-mails da sua empresa, tenham mais ou menos conexão com quem receber.

    Para e pensa como é chato e como te dá vontade de parar de ler ou de conversar com alguém que não fala da mesma forma que você…

    Se você é uma pessoa mais informal, mais descontraída, conversar com alguém mais informal, provavelmente te causa um certo desconforto, ou no mínimo uma vontade de ir embora, e vice-versa.

    É ou não é?

    Com os e-mails da sua empresa vai acontecer a mesma coisa, porque o email marketing da sua empresa tem que ser pensado e estruturado como uma conversa entre duas pessoas, a sua empresa e o seu cliente ou potencial cliente, porque na verdade não deixa de ser e esse também é um outro ponto que gera maior engajamento e conexão entre empresas e consumidores.

    Afinal, ninguém gosta de conversar com robôs, mas sim com pessoas. Mas fique atento ao exagero e tenha sempre bom senso

    Qual a dor / dificuldade do seu público

    Agora que você já conhece o seu cliente e potencial cliente, o sexo dele, a faixa etária e a forma como ele fala, você precisa entender um pouco mais sobre as suas dificuldades, problemas que ele enfrenta no dia a dia relacionado ao seu nicho de mercado, e identificar a solução pra essa dificuldade e problema através do seu produto ou empresa.

    Lembre-se sempre: As pessoas não compram e não estão procurando um produto, mas sim uma solução para os seus problemas ou dificuldades.

    Vou dar um exemplo pra você entender melhor

    As pessoas não compram uma máquina de furar, mas sim uma maneira mais fácil de fazer um furo na parede. Independente de ser uma máquina de furar ou não, o que elas querem é uma forma de conseguir fazer um furo na parede de maneira mais fácil.

    Qual o objetivo

    Agora que você conhece mais a fundo ainda o seu cliente e potencial cliente, sabe qual o sexo predominante, sua faixa etária, qual a linguagem que ele usa, qual a dor / dificuldade que ele enfrenta no dia a dia em relação ao nicho de mercado da sua empresa, você precisa definir qual o seu objetivo em cada email que vai enviar.

    O que você quer?

    • Que ele responda o seu email?
    • Que ele curta a página do Facebook da sua empresa?
    • Que ele compartilhe o conteúdo da sua empresa?
    • Que ele se inscreva no canal do Youtube da sua empresa?
    • Que ele compre o seu produto?
    • Apenas pra se relacionar com seu cliente?
    • Apenas para criar autoridade para sua empresa?

    Enfim, cada email que você vai enviar, você precisa ter o objetivo claro e definido.

    E ao final de cada texto, você tem que fazer a chamada pra ação, conhecida também como Call To Action, que é o próximo ponto que vamos ver e você vai entender a sua importância com maior detalhe.

    Call To Action

    call to action

    Conhecida como Call To Action ou chamada pra ação, esse é um ponto muito importante e fundamental que não pode faltar no seu email marketing.

    Afinal, a chamada pra ação facilita e incentiva as pessoas fazerem o que você está pedindo, ainda mais depois de uma relação construída.

    No final de cada texto de cada email, escreva e deixe bem claro o que você quer que a pessoa faça, como por exemplo:

    • Clique nesse botão abaixo para se inscrever e receber dicas exclusivas!
    • Clique nesse botão e curta a nossa página do Facebook!
    • Clique nesse botão e compre agora mesmo!

    Esses são só alguns exemplos, mas você deve identificar e testar sempre o que mais funciona, o que mais as pessoas respondem ao seu pedido em relação a cada atitude que você quer que ela tenha.

    Como Mensurar

    como medir os resultados

    Enfim, chegam a parte de mensurar os dados e resultados para poder ajustar o que for preciso.

    No marketing digital, essa etapa é fundamental, porque como tudo muda muito rápido no mundo digital, o que funciona hoje pode não funcionar amanhã.

    Então é muito importante que você mensure e analise alguns dados da campanha de email marketing da sua empresa, a fim de melhorar e ajustar sempre para ter maiores e melhores resultados e melhorar sempre a performance das suas estratégias.

    Alguns pontos que você deve mensurar

    • Taxa de abertura
    • Respostas enviadas
    • Número de seguidores no Facebook ( se tiver e fizer essa chamada para ação )
    • Número de compartilhamento ( se fizer essa chamada para ação )
    • Número de vendas

    muito importante Muito Importante

    Em todos os e-mails, deixe bem claro que a pessoa pode deixar de fazer parte da sua lista de e-mails a hora que ela quiser.

    No no final to texto, coloque um link para a pessoas clicar caso ela queira sair da sua lista e não receber mais os e-mails da sua empresa.

    Não pense que isso vai diminuir as chances de gerar vendas para sua empresa, muito pelo contrário. Deixando claro que a pessoas pode sair no momento que ela quiser, assim, você só vai ter em sua lista de e-mails, pessoas que realmente tenham interesse ou possível interesse no seu produto e na sua empresa.

    Assim, evitando também, que alguém te considere e informe que os e-mails da sua empresa é um spam e você seja penalizado por isso, e não consiga mais enviar email marketing para nenhuma das pessoas da sua lista.